7-3-Gustave_Courbet_014Pintura do Realismo (Mulheres peneirando trigo, G. Courbet)

O Realismo, no Brasil, ao contrário da Europa, não surgiu por conta da decadência do Romantismo. Nos países europeus, o Romantismo estava ficando saturado e, por isso, novos movimentos literários surgiram. Enquanto aqui, a decadência da economia brasileira, além da decepção com os resultados da Independência, que havia trazido menos frutos do que se esperava, trazia uma sensação pessimista. O contexto histórico e social negativo começa a influenciar diretamente da produção cultural dos artistas e escritores brasileiros.

O pontapé inicial para o Realismo no Brasil foi em 1881, com a publicação de “O Mulato”, de Aluísio Azevedo, e “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, de Machado de Assis. Ambas as obras possuíam características opostas ao Romantismo: enquanto os textos românticos eram subjetivos, sentimentalistas e egocêntricos, os livros lançados eram objetivos, realistas e polêmicos. Grande parte das obras da época foi em prosa.

Os principais objetivos dos autores eram retratar o cotidiano do povo brasileiro, mesmo que ele não fosse belo. Há um forte compromisso com a realidade. Por conta disso, as obras realistas brasileiras costumavam abordar a população humilde da forma mais visceral possível. Essa busca pela realidade nua e crua fez com que o Realismo evoluísse para o Naturalismo, um viés com características distintas.

O Naturalismo, influenciado diretamente pelas ideias deterministas, buscava entender o comportamento humano por meio dos aspectos animais ainda presentes nos homens. Para isso, os autores naturalistas estudavam Biologia, Psicologia, Evolucionismo e Sociologia. “O Cortiço”, de Aluísio Azevedo, é uma obra tipicamente naturalista. Para alguns estudiosos, o Naturalismo é o Realismo levado ao extremo.

O principal escritor realista do Brasil foi Machado de Assis. Mulato, nascido em 1831, no Rio de Janeiro, Machado escreveu obras reconhecidas mundialmente, como “Dom Casmurro”.

Confira, a seguir, mais de 10 obras realistas para baixar gratuitamente:

Machado de Assis
Raul Pompéia
Aluísio Azevedo
Adolfo Caminha
Domingos Olímpio

 

Fonte: Universia Brasil